A fazenda “Filomena”, que está localizada na zona do Panguila, província do Bengo, quer ser um projecto promissor a julgar pelos investimentos aplicados para a arranque do projecto agro-pecuário em 2016, na ordem dos 30 milhões de dólares.
Com o foco para a criação de galinhas, sendo a produção de ovos o seu principal forte, a fazenda que está implantada num espaço de 16 hectares. Destes, 500 mil metros quadrados estão concentrados nas áreas da fábrica de ração, recriação, produção e recolha.
Segundo a gerente da fazenda, Ana Maria Domingos, a intenção é de atingir 1 milhão de ovos por dia, sendo que actualmente a produção está fixada em 2,5 milhões de ovos por semana. O projecto conta com 12 naves para a área de produção, que no futuro suportarão 1,8 milhões de aves para a produção de ovos. A iniciativa tem também quatro naves para a produção de 880 mil pintos.

Previsão
A unidade possui uma fábrica de ração que produz de forma tímida, com previsão de abastecer o mercado nacional, já que tem capacidade para produzir 480 toneladas de ração por dia.
“Actualmente, produzimos para o Bengo e Luanda, mas a meta é atingir todas as províncias”, frisou.
Revelou que a aquisição de matéria-prima tem sido o grande obstáculo para o desenvolvimento da produção de ração. A fazenda conta com 360 trabalhadores (dos quais 10 expatriados), número que poderá crescer já que prevê também apostar no cultivo de soja e milho.