As empresas estão em linha com o espírito de Natal. Na sua agenda social dessa época ressalta-se a mobilização de campanhas de angariação de fundos próprios e de clientes com vista à celebração de uma quadra festiva risonha para todos sem excepção.
No supermercado Candando, por exemplo, os clientes podem no momento do pagamento das suas compras autorizar um desconto em valores de sua iniciativa cujo fim reverte-se ao apoio ao Hospital Pedriático de Luanda “David Bernardino”.
Campanha similar iniciou no dia 12 na cadeia de restaurantes de frango KFC, que juntamente à cadeia de restaurantes de pizza Pizza Hut. Ambas promovem a terceira edição do Add Hope, campanha de responsabilidade social que tem como principal objectivo contribuir para a luta contra à fome em Angola.
A KFC lança a iniciativa pelo terceiro ano consecutivo e a Pizza Hut junta-se ao projecto pela primeira vez este ano. Durante 30 dias, entre 12 de Dezembro e 12 de Janeiro, os clientes da KFC e da Pizza Hut terão oportunidade de contribuir para esta causa, sempre que se dirigirem a um dos restaurantes das marcas. Por um valor mínimo de 50 kwanzas doado pelo cliente, a Ibersol, empresa que representa as marcas, entrega o dobro às instituições que vai apoiar este ano, designadamente Caritas Angola e Aldeia das Artes.
“Por cada doação de 100 kwanzas, a Ibersol entrega 200 kwanzas. O valor total doado será depois convertido em bens alimentares”, lê-se em nota publicada.
Já o hipermercado Kero organizou pelo quinto ano consecutivo o maior jantar de Natal de Luanda para cerca de 1.000 crianças dos Centros de Acolhimento apadrinhados pelo projecto Kero Kandengue, na província de Luanda. Ao contrário dos anos anteriores, em 2016 o evento foi realizado na Baía de Luanda.
Segundo a directora de Marketing e Comunicação do Kero, Isabel Capacho, a actividade é no âmbito da política de responsabilidade social do grupo e numa óptica de integração total com as comunidades onde estão inseridos.
No presente ano a empresa já doou mais de 70 milhões de kwanzas e espera fechar o ano com doações na ordem dos 90 milhões, em bens que representam uma grande melhoria da qualidade de vida dos beneficiários.
Acto de não só menos importância é o que as esposas dos governadores provinciais realizam com campanhas de angrariação de fundos e posterior celebração da festa de Natal com crianças ou idosos de centros de acolhimento das respectivas localidades. A iniciativa é uma extensão do programa de todos desenvolvido pela primeira-dama de Angola, Ana Paula dos Santos.