0s gestores de empresas públicas, que participaram no primeiro fórum de negócios do sector empresarial público, foram unânimes em reconhecer a utilidade da realização do certame.

O presidente do Conselho de Administração da Unicargas, Ruben Dombaxi, disse que “foi muito bom no sentido de que conseguimos obter informações previlegiadas sobre certas empresas, no que toca a projectos. Penso que foi de facto louvável”.

Já o administrador da Empresa Nacional de Energia (ENE), Euclides de Brito, salientou o incentivo ao negócio que as empresas estatais podem desenvolver entre si.

“Tivemos várias empresas a discutirem entre si e a identificarem oportunidades de parcerias e desenvolvimento de negócios, vimos que há uma série de oportunidades entre elas”, disse. A título de exemplo, Euclides de Brito referiu-se à própria empresa ENE, que hoje tem parcerias com a Sonangol, com quem tem contratos bem estabelecidos nos domínios dos combustíveis, lubrificantes e gás.