Com vista a dar suporte a distribuição de bens alimentares no mercado, o Executivo atravez do Ministerio do Comércio criou no princípio do ano em curso, a Reserva Estratégica Alimentar para bens de produção nacional.
A nova instituição foi criada para suprir situações de escassez de produtos com a oferta em quantidade, qualidade e a preços que evitem a especulação. Segundo as informações, o Executivo criou, por Decreto Presidencial, a Reserva Estratégica Alimentar do Estado, sob gestão do Entreposto Aduaneiro de Angola, com estatuto orgânico conformado à Lei de Bases do Sector Empresarial Público. No entanto, a plataforma comercial de armazenamento tinha sido apreciada antes pela Comissão Económica. O entreposto garante as necessidades de produtos da cesta básica no mercad