As Reservas Internacionais Líquidas (RIL) de Angola posicionaram-se no final do mês de Julho nos 9,8 mil milhões de dólares (equivalentes a 3.597 mil milhões de kwanzas), de acordo com o quadro síntese sobre o mercado monetário nacional divulgado hoje pelo Banco Nacional de Angola (BNA), na sua página de internet.

A tendência de recuperação começou a ser desenhada já em Junho quando foram calculadas as Reservas Internacionais em 9,5 mil milhões de dólares (kz 3.484 mil milhões) isso depois de em Maio ter estado nos 9,2 mil milhões (kz 3.398 mil milhões).

O valor (usd 9,8 mil milhões) de Julho é também já a maior fasquia atingida pelas reservas este ano, depois de ter oscilado nos primeiros quatro meses (Janeiro, Fevereiro, Março e Abril).

Quanto ao crédito no mês de Julho, o documento do BNA diz ter sido o sector privado quem ficou com os 46.490 milhões de kwanzas (127,1 milhões de dólares), contra os 44.667 milhões (122,1 milhões) do mês de Junho, nos valores cedidos aos residentes excluindo a administração central.

Já o quadro sobre os agregados monetários dá conta de que as notas e moedas em posse do público foram calculadas, no período, em 338.692 milhões de kwanzas (equivalentes a 926,2 milhões de dólares).