Empresários chineses provenientes da província de Guangdong pretendem investir na região de Luanda, nos vários domínios do sector económico.
Para o efeito, uma delegação integrada por responsáveis da câmara popular local, governo provincial e empresários daquele país asiático, estiveram esta semana em Luanda para identificar áreas de investimento.
Por isso, estabeleceram contactos com as entidades governamentais da cidade de Luanda para receberem explicações detalhadas sobre as potencialidades que a província oferece.
A reunião presidida pelo vice governador de Luanda para o sector económico, José Cerqueira o presidente da área de relações exteriores da Assembleia Popular de Guangdong, Guang Dong, serviu para a delegação chinesa avaliar a possibilidade de intervir nas áreas da agricultura, gestão ambiental e indústria transformadora, entre outras.
Na ocasião os visitantes por meio de vídeos,tomaram conhecimento do Modelo de gestão e o potencial económico
da província de Luanda.
Na sua intervenção o vice-governador de Luanda disse esperar que os empresários chineses invistam em Luanda a julgar pela potencialidade da província como as condições favoráveis ao tipo de investimento que os mesmos pretendem nos diversos sectores.
Por sua vez, Guang Dong, augurou uma firme relação de geminação e de cooperação económica entre as duas províncias com vantagens recíprocas nos seu variados aspectos , visando o desenvolvimento para
o bem estar das populações.
Disse, por outro lado, que Luanda oferece condições favoráveis para receber mais projectos de investimentos, constituindo-se uma mais-valia para o país.

Visitas a projectos

A delegação dos empresários da provincia de Guangdong durante a sua estadia em Luanda visitou vários projectos de desenvolvimento economico, como a Zona Económica Especial Luanda-Bengo, o Pólo de Desenvolvimento Agrícola
da Quiminha, entre outros.