A empresa angolana do ramo de distribuição de bebidas “Dbrands” quer reforçar a sua presença no mercado, segundo o seu director geral,
Gonçalo Jorge.
Em declarações ao JE, Gonçalo Jorge afirmou que para atingir a meta, a empresa está a desenvolver um estudo de mercado que prevê determinar as características do cliente, necessidades do consumo e localização.
De acordo com o responsável, além de Luanda, a empresa quer levar as marcas que representa para as 18 províncias, com destaque para Benguela,
Huíla e Huambo.
“Vamos reforçar a comunicação elaborando uma estratégia que se dirija directamente aos consumidores, principalmente aos jovens”, disse.
Durante o exercício 2012, a empresa importou mais de dois milhões de litros de vinho e azeite das regiões
do Alentejo e Douro.
Para este ano, a empresa espera crescer 10 por cento emrelação ao mesmo período do ano passado em que facturou mais de 90 milhões de kwanzas.
Em África, Angola consta entre os principais mercados dos produtos da marca Esporão, ombreando assim com os países como Estados Unidos da América, Reino Unido, Brasil e Portugal que consome 40 por cento da produção total.
Dados recentes indicam que os vinhos portugueses dominam o mercado angolano, com uma quota superior a 80 por cento, o equivalente a 455 mil hectolitros de vinho/ano.