A Confederação Empresarial de Angola (CEA) vai realizar nos dias 8 e 9 de Novembro próximo no centro de convenções da Casa Viana, em Luanda, o seu primeiro “Congresso da Produção Nacional”.
A organização pretende com esta acção contribuir para o desenvolvimento económico e social do país, abordando temas da actualidade e encontrar soluções e caminhos que possam ser trilhados, tendo como base a dinâmica do sector privado e a cooperação com as instituições do Estado.
Segundo uma nota que o JE teve acesso, certame vai reunir mais de mil homens de negócios dos mais variados sectores da actividade económica, governantes, bem como oradores internacionais.
A organização considera que num momento em que as condições económicas têm apresentado sérias adversidades, só uma acção concertada entre os empresários e membros do Executivo se poderá ultrapassar a crise e levar o país a uma nova era de prosperidade económica.
A CEA considera ainda o sector industrial como sendo o caminho para a diversificação da economia, a formação de recursos humanos e capacitação profissional como a primeira condição com a qual será possível, com muito esforço e trabalho, elevar a produção nacional a níveis de competitividade.
De acordo com o presidente da CEA, Francisco Viana, o país vive momentos difíceis resultantes da baixa do preço do petróleo no mercado internacional, pelo que urge a diversificação da sua economia.
Acrescentou que os tempos são difíceis, mas sozinho nenhum governo pode resolver os problemas com que as sociedades se debatem.

Temas
Durante os dois dias serão discutidos temas como o “Empreendedorismo e cooperativismo em tempo de crise”, “Que modelo de articulação entre o Estado e o sector empresarial”, “Recursos humanos para a produção, como e onde obter os quadros necessários”, e “Como alavancar a economia com as compras do Estado”.