O crescimento económico e social da região Sul depende do empenho da classe empresarial que deve desenvolver negócios nos vários sectores para diversificar economia, defendeu, na passada quarta-feira, no Lubango, o governador da Huíla, João Marcelino Typinge.
Falando na abertura da 15ª edição da maior bolsa de negócios da Região, “Expo-Huíla2018”, que reúne 250 empresários, entres nacionais e estrangeiros, o governante disse que a política económica do Estado tem por objectivo o crescimento sustentável mesmo em contexto difícil, visando o aumento em quantidade e qualidade de bens e serviços produzidos.
Da parte do governo da província, disse, a abertura e a colaboração é total, no intuito de junto das autoridades centrais criarem-se melhores condições para o desenvolvimento da actividade económicas no país e na região.