Uma missão empresarial nigeriana está disponível em mobilizar parceiros multinacionais e instituições financeiras como o Banco Africano de Desenvolvimento (BAD) e o Bank of America, a fim de financiar projectos em Angola nos domínios de infraestruturas, mineração e do Corredor do Lobito, de acordo com um comunicado que o JE teve acesso.
A intenção foi transmitida esta semana por uma delegação de empresários nigerianos recebidos em audiência pela embaixadora extraordinária e plenipotenciária de Angola na República da África do Sul, Filomena Delgado.
Segundo o empresário, Samuel Onwubu, que chefiou a missão “Angola está a construir uma nova geografia económica que reforça a nossa confiança como investidores internacionais”, sublinhando que a nova mensagem do Executivo angolano é um importante exemplo para a África.
“É uma história positiva”, enfatizou o empresário.
Na audiência, Filomena Delgado forneceu informações sobre as prioridades de investimento privado estrangeiro do Executivo angolano nos domínios de turismo, agricultura sustentável, ambiente, infraestruturas, rodoferroviárias, pescas, exploração mineira e da electrificação do país.
O documento explica que a missão empresarial nigeriana irá visitar Angola nos próximos tempos, ocasião a ser aproveitada para se trabalhar com Agência para a Promoção de Investimento e Exportações de Angola (APIEX), Câmaras de Comércio e Indústria, bem entidades governamentais.