O contrato de investimento mineiro relativo à atribuição de direitos mineiros de prospecção e avaliação de depósitos secundários de diamantes foi aprovado em Decreto Executivo do Ministério da Geologia e Minas, publicado a 11 de Setembro em Diário da República.
Este acordo atribuído à Endiama Mining envolve as empresas Muapi e Artcon que participam com 55 e 25 por cento, em termo de investimentos, para prospecção e avaliação de depósitos secundários de diamantes.
Por um período de cinco anos renováveis, os investidores vão efectuar a respectiva prospecção e avaliação numa área de mil 284 quilómetros quadrados, na Lunda Sul.
O diploma considera a necessidade do aproveitamento sustentável dos recursos minerais do país, que implica no contexto actual o reforço e aceleração da diversificação das actividades de prospecção e exploração mineira, envolvendo tanto o sector pú+-blico, tanto o sector privado.