Trezentos milhões de dólares norte-americanos é o valor que o Estado de Israel dispõe para financiar projectos agrícolas em Angola, anunciou, recentemente, no município do Tomboco, província do Zaire, o embaixador, Oren Rozenblat.
Em declarações à imprensa no final de uma visita à província do Zaire, o diplomata israelita disse que a sua deslocação serviu para identificar as potencialidades agrícolas da região, bem como estabelecer cooperação com os actuais investidores ligados ao sector da agricultura.
Durante a visita, o embaixador acompanhado pelo governador provincial do Zaire, Pedro Makita Armando Júlia, inteirou-se das fazendas agrícolas de Colinas do Lukunga e do ATS-grupo constrói Soyo, ambas localizadas no município do Tomboco.

Alavancar a agricultura
De acordo com Oren Rozenblat, existe na província do Zaire investidores com vontade de desenvolver a actividade agrícola, mas que enfrentam ainda dificuldades de ordem financeira, pelo que o seu país se propõe cooperar com as autoridades locais para alavancar o sector e contribuir para o desenvolvimento económico de Angola.
Sublinhou que o seu país elegeu a agricultura por ser um sector que pode oferecer mais postos de trabalho, principalmente para os jovens, bem como ajudar os produtores a encontrar novos mercados para a comercialização do excedente.
Durante a sua estada na província do Zaire, o embaixador israelita trabalhou nos municípios de Mbanza Kongo, Soyo e Tomboco.