Os empresários da Kissomeira no município do Dande, província do Bengo, foram convidados pelo governador provincial, João Miranda, a investir na agricultura de grande escala, para o fomento do emprego e o desenvolvimento da região.
João Miranda fez este convite durante o acto de entrega de meios agrícolas à comunidade da Kissomeira, sublinhando que a oferta resulta do cumprimento das promessas feitas, recentemente, à população local para impulsionar a produção de bens e melhorar as
condições de vida das famílias.
Salientou que a província dispõe de muitas áreas cultiváveis que devem ser aproveitadas pelos empresários interessados em investir no sector agrícola no Bengo, que não tem tradição no cultivo do milho.
Segundo João Miranda, além de 10 mil hectares na Kissomeira, município do Dande, a localidade de Santa Eulália, Nambuangongo, dispõe igualmente de mais de 25 mil hectares contínuos que precisam de ser explorados por ter condições de irrigação e por possuir um riacho com água permanente.
As condições de produção de milho existem, mas não é tradição na província. É preciso que os empresários introduzam essa tradição para se produzir milho em abundância no norte de Angola, disse.
Por seu turno, o presidente da Cooperativa Agrícola da Kissomeira, João Dala, garantiu que as máquinas recebidas vão ajudar os associados a concretizar os objectivos, que visam alargar os campos de cultivo para aumentar a produção.
Os equipamentos recebidos representam uma mais-valia para a sua cooperativa pois irão facilitar o trabalho no campo na campanha agrícola 2017/2018, devido ao alargamento das áreas de cultivo.