Os administradores municipais, comunais e presidente da comissão administrativa de Luanda foram orientados esta segunda-feira, pelo governador provincial Adriano Mendes de Carvalho, a sensibilizarem e cadastrarem os vendedores ambulantes, para uma melhor organização comercial.
A orientação foi transmitida no Governo Provincial, quando o seu titular procedia a abertura de um seminário sobre “Os pressupostos para uniformizar procedimentos da actividade do licenciamento comercial e industrial, bem como a problemática da produção e comercialização do pão”.
Segundo o governador é necessário que os comerciantes informais passem a formais, na actividade económica, para melhor organização dos seus negócios e a criação, sem burocracia, de micro e pequenas empresas.
O responsável disse ser urgente a moralização do comércio e da pequena actividade industrial da prestação de serviços, fazendo com que os trabalhos de inspecção e fiscalização na sua actuação tenham sempre presente o primado da legalidade, ética e decoro.
Apelou para a necessidade de maior interacção entre os diferentes actores públicos e privados, do sector do comércio, serviços e indústria, cultivando o espírito e a cultura da troca de experiências entre si.
Adriano Mendes de Carvalho augura que, com este encontro, se uniformizem os critérios para o licenciamento industrial e comercial, para a formalização da produção e venda dos produtos básicos, incluindo o pão.
Participaram do encontro, entre outras individualidades, vice-presidente da Comissão Administrativa da Cidade de Luanda para o sector económico, administradores municipais adjuntos para área económica, directores do comércio, chefes de departamento do comércio e indústria e responsáveis do Ministério do Comércio.