Os jovens da província do Huambo foram exortados, pelo vice-governador para o sector político e social, Guilherme Tuluca, a diversificar às áreas de formação, para o combate ao desemprego.
Segundo o responsável, que falava na abertura das festas da cidade, a assinalar-se a 21 deste mês, é necessário que os jovens, enquanto força motriz para o desenvolvimento de qualquer sociedade, apostem na diversificação de cursos
académicos e profissionais.
“O país precisa não apenas de pessoas formadas do ponto de vista académico, mas também do ponto de vista técnico-profissional, sobretudo nas áreas de mecânica, serralharia, marcenaria, entre outros, para que consigam empreender e deixar de depender do Estado”, enfatizou.
Por outro lado, Guilherme Tuluca realçou que o crescimento económico-social da província, marcado pela construção de infra-estruturas deve, necessariamente, se repercutir na forma de estar e de ser das pessoas, em particular dos jovens, através da cultura de preservação dos bens colocados à disposição da sociedade, para a manutenção estética da cidade.
Neste sentido, solicitou a conjugação de esforços para elevação do Huambo a um patamar do desenvolvimento integrado, através da construção de infra-estruturas sanitárias e educacionais, além do saneamento básico, para que os investidores nacionais e estrangeiros possam ser atraídos, de modo a gerar mais emprego e bem-estar às famílias.
O lema deste ano é: “a cidade do Huambo é onde se estuda e se trabalha para
o bom futuro dos jovens”.