Os chefes dos serviços provinciais do Instituto Nacional do Defesa do Consumidor (INADEC) defenderam, recentemente, em Ondjiva (Cunene), o alargamento dos serviços em todos os municípios do país, para uma melhor abrangência na actividade de fiscalização.
Segundo à Angop, num encontro nacional de auscultação com o novo director nacional do Inadec, Diógenes de Oliveira, os chefes provinciais afirmaram que a existência destes serviços apenas nas sedes provinciais limita de certa forma a actividade do sector.
“Recebemos diariamente denúncias e reclamações dos cidadãos mas não conseguimos satisfazer porque existem municípios que ficam muito distantes das sedes provinciais, o melhor seria criar dependência em todos municípios para facilitar o trabalho”, rebateram.
O director nacional do Inadec, Diógenes de Oliveira, em respostas às preocupações levantadas, disse que o encontro surgiu mesmo para conhecer as necessidades de cada província e de forma paulatina serem resolvidas.