O representante provincial do Instituto Nacional de Apoio às Micro, Pequenas e Médias Empresas (Inapem) na província da Lunda Sul, Francisco Guerra, solicitou em Saurimo, celeridade na concessão de créditos bancários aos empresários certificados pela instituição.
Em declaração à Angop, Francisco Guerra garantiu que tem recebido reclamações por parte dos empresários certificados da morosidade do crédito, o que afecta negativamente na planificação e concretização dos seus projectos.
Por este facto, o Inapem trabalhará com os gestores bancários sedeados na província para procurar formas de se ultrapassar a situação.
Por outro lado, o responsável afirmou que de Janeiro a Outubro deste ano o Inapem certificou 90 empresas, registando um aumento de 15, comparativamente ao mesmo período anterior.
Francisco Guerra explicou que o aumento deveu-se a vários seminários de incentivo levados a cabo junto dos empresários e empreendedores da circunscrição.
Explicou que o registo destas empresas permitirá que o empreendedor tenha uma redução de imposto industrial e a isenção do imposto de selo, visando a diversificação da economia.
“Outra vantagem da certificação de empresas pelo Inapem prende-se na formação dos agentes económicos, para melhor dirigirem os seus negócios”, enfatizou.
O Inapem é um órgão da administração indirecta do Estado, ao qual compete, genericamente, a implantação das políticas e estratégias no domínio da capacitação, formação empresarial e financiamento de micro, pequenas e médias empresas.