Seiscentos e trinta e sete jovens vindos dos quatro municípios da província de Cabinda terminaram com êxito a sua formação, no quadro do programa de empreendedorismo na comunidade.
A acção de formação que teve a duração de cinco dias é uma promoção do Ministério da Administração Pública, Trabalho e Segurança Social (MAPTSS) em parceria com o Banco Sol.
Os participantes receberam conhecimentos sobre “ Noções de empreendedorismo” e “ Gestão básica de pequenos negócios”.
Falando no acto simbólico de entrega de certificados aos recém formados, o ministro do MAPTSS, António Pitra Neto, sublinhou que o desafio é fazer tudo para que os municípios tenham a oportunidade de formar os jovens, capacitar, dar micro-créditos para serem pequenos empreendedores.
Por seu turno, a governadora da província de Cabinda, Aldina da Lomba Catembo, desejou sucesso aos recém formados como futuros empreendedores, investidores e promotores de emprego, para o bem-estar das comunidades.
Os formandos agradeceram o Executivo angolano por criar programas de formação do género, que visam a preparação dos juvens para o mercado de trabalho de forma a materializarem os seus sonhos.
Se comprometeram em fazerem a devolução ou reembolso do micro-credito recebido, para que os futuros empreendedores possam também beneficiar do mesmo.
Durante o acto os formandos receberam certificados, micro-crédito “Amigo do Sol” no valor de 173 mil kwanzas e um kit do empreendedor cada um.
Depois do acto o ministro visitou a exposição dos empreendedores formados, o centro de formação do Caio e as obras de construção da Cidadela Jovem de Sucesso, na comuna do Dinge, município de Cacongo.
O sector de empreendedorismo na provincia tem registado um crescimento significativo fruto dos incentivos que se dado à juventude local.