GASPAR MICOLO

A empresa de bebidas e refrigerantes Refriango vai aumentar a sua capacidade de produção anual de 600 milhões para 900 milhões de litros até ao final deste ano, como resultado dos investimentos que têm sido feitos na sua unidade fabril, que rondam os USD 150 milhões.

Em entrevista ao JE, o coordenador de marketing da empresa, Eurico Feliciano, explicou que os investimentos têm sido feito desde o início de actividade da unidade fabril, altura em que o valor era calculado em USD 22 milhões.

Na próxima quinta-feira, 15, a empresa que produz os refrigerantes Blue e Red Cola, coloca no mercado um novo produto denominado Cuia, que se destina a crianças de até 15 anos, e que será vendido a um preço ligeiramente abaixo do sumo Nutry, que custa cerca de AKZ 177 por litro.

Para Eurico Feliciano, além de ser uma marca, o produto tem fortes interesses comerciais, uma vez que 46% da população angolana tem menos de 14 anos. Questionado sobre se o lançamento desta bebida fez ou não aumentar os investimentos da empresa, ele disse que não foi feito um investimento específico para a sua produção. “O lançamento deste produto resulta de uma política de investimentos regulares da empresa que têm sido feitos para aumentar a linha de enchimento, que vão permitir também fazer a produção do Cuia. O investimento inicial foi de USD 22 milhões quando começou a construção da fábrica no Kikuxi e, nesta altura, o volume de investimento já ronda os USD 150 milhões, que são resultado das melhorias substanciais que têm sido feitas na unidade fabril”, referiu.

Para o coordenador de marketing da Refriango, o novo produto da empresa tem uma responsabilidade social enorme no que diz respeito à relação entre si, as crianças e as escolas. “O Cuia tem uma componente forte na ligação do produto às crianças, além de ser lançado num litro, o produto será também embalado em pacotes de 200 mililitros, para facilitar o seu manuseamento nas mochilas escolares”, explico ele.

Ainda para promover o produto, a empresa vai criar uma mascote Cuia – um boneco com cerca de 2 metros de altura – que será vestido por alguém e vai interagir com as crianças em programas infantis e nas escolas. “A componente social deste produto far-se-a ainda sentir no apoio às instituições escolares onde serão fornecidas materiais que vão ajudar no ensino, nomeadamente mochilas, estojos, lápis, esferográficas, t-shirts, entre outros”, revelou.

Distribuição

Apesar de já possuir alguns indicadores do volume de produtos a colocar no mercado, a empresa espera sondar a reacção do consumidor para manter um nível de produção do Cuia e fazê-lo chagar a todos os pontos do país.. “Após o seu lançamento, vamos colocar o produto em todos os pontos de venda e avaliar a reacção do mercado às campanhas de marketing que serão feitas”, referiu, acrescentando que o novo refrigerante estará disponível em todas as províncias através da parceria dos seus clientes que funcionam como distribuidores.

A Refriango conta com uma frota de diária de 240 viaturas que levam o produto em diversos pontos do país. A empresa continua a importar os concentrados de fruta, mas Eurico Feliciano acredita que dentro de algum tempo será possivel adquiri-los no país, a julgar pelos esforços que têm sido feito para dinamizar o sector agro-pecuário. A empresa espera gerir cada vez mais o seu porto-folio de marcas e investir na melhoria das embalagens. Como o segredo é a alma do negócio, Eurico Feliciano, avança que para o ano haverá mais novidade em termos de produto, mas prefere manter a sua divulgação para altura certa.

A Refriango, presente no mercado nacional desde 2005, tem uma unidade fabril em Viana, província de Luanda, e está a investir na expansão dos seus negócios no país. A firma é a responsável pela produção de marcas como os refrigerantes Blue, Red Cola e Speed, dos sumos Tutti e Nutry, da água mineral Pura e do chá fresco Nestin, a que se acrescentam o refrigerante Flash e os vinhos Gaivota e Dom Cacho.

Produtos da Refriango

Blue – Considerada a marca mais importante da Refriango, tem estado no centro de várias campanhas publicitárias da empresa. O refrigerante está disponível em oito sabores e poderá contar com um novo a ser escolhido pelos clientes, entre tambarino, guaraná e tangerina. O produto vai mecerer igualmente, nos próximos tempos, de uma melhoria no grafismo da lata.

Água Pura – Lançada no final de 2007, é água engarrafada que ao fim de um ano de lançamento já liderava o mercado com uma quota de 45%. Com um controlo de qualidade rigoroso, conta com uma nova embalagem de 0.33 litro, mais pequena que a actual de 0.5 litro, destinada para uma cadeia de distribuição mais formal.

Tutti – É um dos muitos sucessos da empresa em termos de vendas. Após o seu lançamento, a procura pelo produto tem crescido significativamente. Disponível em cinco sabores, e em embalagens apelativas, o produto ainda contará com outras novidades este ano.

Speed – É a bebida energética da firma. Uma recente aposta que tem igualmente respondido às expectativas da empresa em termos de venda. Este produto ainda há pouco tempo no mercado, segundo a Refriango, tem conseguido rivalizar com as outras marcas importadas.

Flash – É uma bebida com gás que surgiu da necessida de se pôr à disposição dos clientes um produto elitista, diferentemente da Blue, considerado como um produto de massas. Por isso, esta marca tem estado a ocupar um espaço consideravel na cadeia de distribuição formal.

Red Cola – É um refrigerante disponível em vários sabores. Concebido igualmente para rivalizar com diversas marcas existente no mercado. Apesar de ainda não ter chegado ao nível de vendas da Blue, o produto tem registado um aumento da procura nos últimos tempos.