João Bastos

Roaming é um serviço de telefonia móvel que permite ao cliente conectar redes de operadoras estrangeiras. Em Angola, este sistema foi instalado em 2004 pela Unitel, no âmbito de um protocolo com empresas de diversos países do mundo e com a GSM (Sistema Global para Comunicações Móveis), que disponibiliza o referido serviço.

De 2004 a 2009, mais de 50 mil clientes expatriados de diversas nacionalidades que se deslocaram a Angola, se beneficiaram do Roaming.

Actualmente, a empresa privada de telecomunicações possui acordos de parceria com 1.270 operadoras de 135 países, facto que justifica a grande demanda, segundo o director de Investimentos, Participadas e Relações Institucionais, Henriques da Silva.

Em declarações ao JE, Henriques da Silva, sublinhou que a dinâmica de viagens de clientes de Angola para o exterior, e vice – versa, é também um dos factores que justifica a elevada procura pelos serviços da sua companhia.

Número de usuários

A Unitel conta com uma base de 37 mil utilizadores permanentes de roaming. O modelo de tarifação deste serviço é determinado pela operadora, acrescido de um valor não superior a 15%, no âmbito de um acordo internacional com a GSM (Sistema Global para Comunicações Móveis).

Segundo fez saber o responsável da operadora de telefonia móvel, países como Portugal, Brasil e Estados Unidos da América, que possuem um fluxo migratório muito elevado com Angola, chegam a pagar tarifas muito mais baixas comparativamente a dos seus territórios de origem. “É algo que estamos a discutir junto desses países e, brevemente, poderemos solucionar esta situação”, acrescenta Henrique da Silva.

Leia mais sobre o assunto na edição desta semana do Jornal de Economia & Finanças, já nas ruas.