O coordenador provincial da Unidade Técnica de Apoio ao Investimento Privado (UTIP) no Cuando Cubango, João Fernando Mucanda, disse recentemente que está previsto, para o mês de Março deste ano, a realização do primeiro fórum empresarial com a China, no âmbito da cooperação entre os dois países.
Em declarações à imprensa, no final da visita do embaixador da china em Angola, Cui Aimin, ao Cuando Cubango, o coordenador disse que a China tem um programa que consiste em ajudar Angola no quadro de investimentos no ramo da agricultura, hotelaria e turismo, construções de infra-estruturas, entre outras áreas.
Segundo o responsável, para o efeito, durante o encontro com o embaixador, ficou acordado que o Governo Provincial do Cuando Cubango deverá elaborar uma carta para a Embaixada chinesa no sentido de trazerem os seus empresários no quadro do fórum empresarial a ser realizado na província.
João Fernando Mucanda referiu também que os Governos da China e de Angola têm uma cooperação salutar, e mais do que isto, o fórum constituirá a materialização dos projectos.
Precisou ainda que a unidade técnica de apoio ao investimento privado local tem ajudado o Governo no sentido de trazer à província investidores privados vistos que existem muitas áreas por intervir, nomeadamente na construção de infra-estruturas.
“A nossa tarefa é de apoiar e assessorar o Governo no que concerne o trabalho de investimento privado”, acrescentou.
Defendeu que o sector da agricultura deve ser priorizado, visto que o Governo traçou algumas linhas de força com a intenção de diversificar a economia, bem como de alavancar a produção nacional.
Deu a conhecer que, neste sentido, a Utip está a preparar os empresários locais no sentido de estarem habilitados para executarem os seus trabalhos na perfeição. São esperadas para este certame mais de cem empresas chinesas de vários ramos de actuação.
“Vamos também realizar, antes do encontro empresarial com a china em Março, uma reunião com os empresários locais para prepará-los no sentido de que estejam aptos para corresponder com as expectativas do encontro”, sublinhou.