A fórmula é cada vez mais utilizada e como dá resultados, os consumidores mudam de atitudes para aquisição de bens e serviços.
João Antero, residente do Dangereux, pacientemente está a circular pelas várias secções do Shoprite do Belas. O papel à sua mão chama atenção e cada anotação cuidada dos preços que faz até confunde-se com fiscal ou porque não um concorrente.
“Sou mesmo só um cliente, mas antes de comprar prefiro procurar bem e reparar os preços, para totalizar o que quero e quanto precisarei gastar para tal”, refere.
E com satisfação, ele diz não ser o único a optar por tal prática. Nunca fizeste, dona? questiona-nos... mas como a “nós só” cabe perguntar as respostas ficam sobre que benefícios há nessa prática, pois há nomes e nomes para os homens que fazem compras e mais ainda com lista. Ousadamente lhe perguntamos: não temes ser chamado de “agarrado”, “mão-de-vaca” ou outro nome pejorativo
dos muitos que há por ali?
Antero é categórico: desde que o resultado final agrade a mim e a família, não me importo.

Candando premiado na
categoria de distribuição

O stand do Candando dedicado à produção nacional presente este ano na Filda, foi distinguido com o prémio de melhor participação na categoria Comércio e Distribuição, integrando a lista das 20 empresas premiadas no certame.
A marca voltou a reforçar a sua actuação no apoio à produção nacional com uma área de exposição de frutas, legumes e outros produtos nacionais dos produtores parceiros do Candando: Kamarta, Fazenda Girassol, Aromas do Dande, Epagrope, ERS, Fazenda Ex Libris, Hidrobem, Lírios Jardim, Fazenda Cleomas, ATS, Hortinha das Aromáticas, ZRB Lda, Novagrolíder, Carnes Natura – Soípa, Mivena, Chuva do Churrasco, Fazenda Nuviagro, Turiagro e Valagro.
Durante os cinco dias do certame, passaram pelo espaço Candando centenas de visitantes que aproveitaram para degustar os sumos naturais feitos com os produtos em exposição e marcar presença na área de show cooking para ver e degustar as receitas confeccionadas igualmente com produtos nacionais pelos chefs Candando e chefs convidados. A cake designer Ana Cakes decorou as suas sobremesas com a originalidade que a caracteriza usando as frutas, legumes e flores nacionais expostas no espaço do Candando. Também a emblemática Mamã Kuiba esteve em evidência ao preparar o típico Calulu de peixe seco.
Este ano, a marca reforçou ainda a sua presença com um quiosque de lanches rápidos e um restaurante da cafetaria Crëmme do Candando, com menus para os diferentes momentos do dia.