Uma comitiva do Ministério dos Recursos Minerais e Petróleos (MIREMPET) e empresas associadas participam, de 4 a 6 de Setembro próximo, na 17ª edição da Africa Down Under, a realizar-se na cidade australiana de Perth.

O JE soube da organização que a delegação angolana à conferência internacional sobre mineração e energia em África vai ser chefiada pelo secretário de Estado da Geologia e Minas, Jânio Correia Victor, que também deverá ser um dos intervenientes num dos painéis do certame.

De acordo com o programa, devem ainda estar presentes por Angola, em termos de empresas do sector, a Endiama e a Ferrangol, principais operadoras nas áreas dos diamantes e materiais ferrosos, prevendo-se na exposição a realização de encontros com parceiros e investidores interessados em entrar no sector em Angola.

"A Africa Down Under (ADU) é um fórum que privilegia as relações comerciais entre a Austrália e a África. Foi criada para aumentar a consciencialização sobre os interesses da Austrália em mineração e energia na África e tornou-se no maior evento de mineração focado

em África, realizado fora do continente", lê-se num prospecto informativo da organização.

Desde a conferência inaugural, em 2003, a Africa Down Under tem reunido as melhores histórias de sucesso de toda a África e continua a desmistificar a noção errada de que fazer negócios com África é “muito difícil”.

Em 2018, a conferência reuniu 72 apresentações e painéis de discussão no palco principal; delegações ministeriais e de governos de 16 países africanos; 90 stands de exposição espalhados pelo local; mais de 30 eventos paralelos durante a semana; e um número recorde de reuniões de investidores realizadas em nosso salão de reuniões no “Meeting Place”. Estiveram ainda mais de 1400 delegados. Já em 2017 estiveram lá 60 apresentadores, 67 expositores e participação de mais de 1000 delegados de 4 países, incluindo ministros de mineração e delegações governamentais de 19 países africanos.

"Essa notável participação continua a reflectir o ressurgimento de um sector sob impulso positivo das condições de mercado e nos preços das commoditie", disseram os promotores.

A anteceder a conferência, está prevista a realização do Fórum de Pesquisa África-Austrália, onde vai ser abordado a temática do empreendedorismo africano no sector dos minerais e as oportunidades de melhorar o ambiente de negócios. Também está prevista

num dos painéis a abordagem sobre o aproveitamento da energia dos jovens e a poder feminino.

No calendário do Ministério, no próximo dia 27 (terça-feira) realiza-se, em Luanda, o primeiro dos quatro Roadshow previstos para apresentação dos concursos de licitação de novas minas. Já para segunda (26), numa há em previsão uma cerimónia de tomada de posse de responsáveis, segundo uma nota de imprensa chegada à nossa redacção.