Uma missão angolana participa, desde o dia 9 até 15 deste mês, em Washington DC, Estados Unidos da América, nas reuniões anuais do Fundo Monetário Internacional e Banco Mundial.
A missão chefiada pelo ministro das Finanças, Archer Mangueira, integra, igualmente, a secretária de Estado do Orçamento, Aia-Eza da Silva, a vice-governadora do BNA, Suzana Monteiro, o embaixador de Angola nos Estados Unidos, Agostinho Tavares, e altos quadros dos Ministérios das Finanças, Economia e Planeamento, BNA, Comissão de Mercado de Capitais e do Banco de Poupança e Crédito (BPC).
A agenda da missão angolana, reserva entre outras acções, a participação na Sessão Plenária do Comité Monetário e Financeiro Internacional do FMI, bem como a participação da reunião entre governadores africanos com os altos dirigentes das instituições de Bretton Woods (Caucus africano), condução da reunião da Constituência junto do FMI e Banco Mundial, assim como a consolidação e ampliação da Carteira de Assistência Técnica com o FMI.
A participação de Angola nas reuniões anuais junto das instituições de Bretton Woods atestam a solidez das relações com o FMI e o Banco Mundial, mediante a utilização, para o efeito, de todos os instrumentos disponíveis para benefício dos países membros e desenvolvimento da economia global.
A agenda da delegação angolana contempla vários encontros bilaterais com instituições financeiras como o Credit Suisse, Goldman Sachs, Deutsche Bank, ICBC Standard e HSBC.