O Banco Yetu anunciou que, em 2016, obteve um lucro líquido negativo de 325,8 mil milhões de kwanzas. No decorrer das suas actividades no ano em avaliação, o banco fechou-o com activos totais de 12 mil milhões de kwanzas, quando o saldo total, incluindo os fundos próprios atingiu o volume de 2,9 mil milhões.
De acordo com os dados que constam dos relatórios e contas da instituição, auditados e comparecer favorável da KPMG, as demonstrações financeiras do banco apresentam-se de forma apropriada e estão em conformidade com os princípios contabilísticos estabelecidos internacionalmente, bem como com outras disposições emitidas pelo Banco Nacional de Angola (BNA).
Contudo, o auditor chama a atenção pelo facto do banco somente ter iniciado a sua actividade em Outubro de 2015, razão que faz com que as demonstrações financeiras referentes ao exercício findo de Dezembro de 2015 não sejam comparáveis com as referentes ao período compreendido entre 1 de Outubro e 31 Dezembro de 2015, apresentadas para efeitos comparativos.
Dos documentos publicados constam também o parecer do conselho fiscal, que recomenda que, para o exercício económico de 2017, seja feito o reforço dos fundos próprios do banco e a continuação da adopção de políticas de gestão prudentes dada a previsão de continuidade das limitações actuais do mercado, particularmente devido à baixa liquidez, bem como da diminuição de divisas no mercado. VI