A província do Bié tem 15 novos autocarros para o transporte inter-urbano de passageiros, com capacidade para transportar 62 pessoas, das quais 34 sentadas e 28 em pé.
Os meios rolantes de marca Marco-Polo estão vocacionados para o transporte urbano de pessoas e bens e serão entregues, por concurso limitado aos operadores de transporte na província.
A directora do Gabinete de Transporte, Tráfego e Mobilidade Urbana, Adélia Eduardo, disse que foi criada uma comissão encarregue de criar todas as condições necessárias para a realização de um concurso limitado, por convite aos operadoras de transporte local.
“Os convite serão dirigidos àquelas empresas que já operam no mercado, a pelo menos um ano, e que tenham licença para esta actividade.
O concurso está aberto desde o passado dia 28 de Agosto e a recepção das candidaturas vão até 9  de Setembro”, garantiu.
O Gabinete Provincial dos Transportes, Tráfego e Mobilidade Urbana, segundo a directora, controla 20 empresas do ramo dos transportes, e são estas instituições convidadas para apresentarem as suas propostas.
“O Governo da província pretende apurar, na primeira fase, cinco empresas que poderão beneficiar, cada uma, com cinco autocarros e operar nas vias pré-concebidas dentro da província do Bié”, afirmou Adélia Eduardo, garantindo existir um plano de mobilidade destes autocarros já elaborado.
A prioridade das linhas de transporte será para os estudantes, em função da elaboração do passe social.
“O Executivo angolano está a implementar o passe social, o instrumento que vai garantir a acessibilidade dos estudantes aos meios de transporte, sobretudo os estudantes do primeiro ciclo, idosos e antigos combatentes.
Com a entrada em vigor deste passe social, segundo a directora,  as pessoas poderão ver facilitada a redução das tarifas em alguns casos e a gratuidade nos outros, transportes”, disse.