A lista de compras é nos dias de hoje, um dos elementos que acompanha quem vai ao supermercado ou aos pontos de venda informais, mas de elevada procura como são as praças do km 30, Cantinton ou Parque do Rocha Pinto, por exemplo.
Contudo, há factores que determinam a escolha deste ou daquele lugar e entre os citados pelos consumidores, como o disse João Benza, à entrada de um supermercado Maxi, o preço dos produtos e a variedade disponível são condições essenciais para definir onde comprar.
Márcia Campos diz ser frustante ir ao supermercado e não encontrar o que se pretende comprar, daí que por preferência ela vai ao Candando que, custa um pouco mais, mas oferece a variedade necessária, além de ter uma praça de alimentação e salas de cinema.
Rebeca António diz ser cliente habitual dos Kero e Alimenta Angola, por fácil localização e bons preços. “Vezes sem conta nem vemos a diferença entre comprar nos supermercados ou nas mercados informais”, disse.

 óleo alimentar e azeite em sentidos opostos

Semanalmente é visivel a campanha dos supermercados em promover o óleo alimentar com preços que já chegaram aos 200 kwanzas por cada litro. Tal propósito nem sempre é visto na questão dos azeites, últimamente mais recomendados para a alimentação.

Com uma forte presença de produtos importados nas prateleiras, a venda do azeite é por isso influenciada pela baixa procura da maioria das famílias que consomem mais o óleo ao invés do azeite.
Na semana passada, por exemplo, os preços rondaram os mil kwanzas por embalagem de 500 ml. E foi nessa base que nos chamou atenção o preço do operador Shoprite de 660 kwanzas por uma unidade de 500 ml, conforme publicado aqui. Na reconfirmação desta semana, notamos que afinal, o preço, não sendo de promoção que também pouco se vê no produto em causa, de 660 kwanzas referia-se a embalagem de 200 ml o que equivale dizer que é a média de kz 1.200.00
Esta semana já nos chama atenção a variação feita pelo supermercado Kero que fixou o preço de 660 kwanzas para a unidade de 500 ml. Para um consumidor sempre que o preço de um determinado produto baixa é sinal de maior economia.