Os supermercados mantêm, até ao momento, uma acirrada disputa entre si pela preferência da clientela com uma forte campanha de baixa de preços em produtos de elevada procura pelas famílias, segundo levantou a reportagem do JE.
Esta semana, abriram as portas, no mês da mulher, sob marca das promoções nos bens alimentares e outros. A situação repete-se nos operadores Alimenta Angola, do Camama, e Shoprite, do Luanda-Sul, sendo esta a razão para a forte afluência dos informais, que de minuto a minuto se instalam à entrada em busca de preços que favoreçam a sua intenção de obtermaiores lucros na revenda.
Neste Março, e apesar de muitos optarem por fazer contenções na hora de comprar, as pessoas têm a tendência de gastar um pouco mais do que o costumeiro atraídos pelas campanhas dirigidas.
Reforçados por sucessivos feriados e datas de comemoração, o Março junta a celebração à mulher com a do pai. Será essa também a razão de até as flores estarem a ser vendidas com maior frequência, se comparado ao mês anterior.
Na nossa habitual visita, tomou-se em atenção os preços promocionais dos produtos que os estabelecimentos oferecem para melhor orientação dos consumidores. Produtos como kits de beleza, integrado por loções corporais, champô e gel de banho, são sugestões aliciantes para presentear, e que se pode encontrar em qualquer supermercado apreços baixos ou equiparados.
As promoções com os produtos da cesta básica como o arroz, óleo e massa alimentar, leite líquido (ver quadro ao lado) continuam a fazer parte das estratégias para atrair uma maior clientela.