Os preços de alguns produtos alimentares como o arroz, feijão, trigo, óleo, a massa alimentar, e outros registam nos últimos meses uma redução significativa nos principais supermercados e mercados informais de Luanda, não obstante o cenário macoreconómico ainda permanecer incerto em função das oscilações do preço do crude no mercado internacional.
Numa ronda efectuada pelo JE, constatou-se que os consumidores mostram -se satisfeitos com a descida de preços de alguns produtos da cesta básica, e sublinharam que, hoje é possível gastar-se menos, em comparação aos meses anteriores, que para a obtenção de uma uma caixa de frango era necessário fazer parceria (associar um determinado bem em função do pouco dinheiro disponível). Agora está tudo muito mais fácil, disse; Fausta Pedro, explicando que com 65 mil kwanzas conseguiu adquirir determinados produtos para o sustento da sua família sem fazer sociedade com outras pessoas para a obtenção de produtos, devido a demanda elevada.Nos estabelecimentos comerciais e mercados informais, constata-se que os preços de alguns produtos da cesta básica descem todos os dias, mas outros nem tanto.
Na maioria dos produtos com preços vigiados pelo Instituto de Preços e Concorrência, tutelado pelo Ministério das Finanças, há a sensação de redução de preços sem contar as sucessivas campanhas de promoções (do tipo paga um leva dois), que nos finais e inicio de cada mês são feitas nos principais supermercados de Luanda.