O Banco Nacional de Angola realiza a “Feira da Poupança”, de 30 de Outubro a 5 de Novembro, na Casa da Juventude, município de Viana, em Luanda, com a participação da Agência Angolana de Regulação e Supervisão de Seguros (ARSEG), bancos comerciais
e a Kixicrédito S.A.
A Feira da Poupança visa transmitir ao público informação sobre a necessidade de um consumo moderado e de adopção da cultura da poupança.
O Banco Nacional de Angola continuará a desenvolver estratégias que contribuam para a gestão mais eficiente do orçamento familiar e para a redução de recursos financeiros no sector informal, afirmou, uma fonte do BNA.
Referiu que a concretização desta acção passa por uma educação financeira mais eficiente e actuante aos agentes económicos, evitando a prestação de serviços financeiros não regulamentados nem supervisionados e, por conseguinte, menos seguros.
A fonte destacou que as famílias ao transferirem parte do consumo presente para o futuro, isto é, ao efectuarem poupanças, estarão a desejar um futuro melhor, uma atitude importante que beneficia individual e colectivamente, podendo contribuir na redução da taxa de pobreza e melhorar a condição de vida futura, garantido o acesso a melhor educação, assistência médica e medicamentosa, bem como contribuir para o crescimento e desenvolvimento económico.
A função primária de intermediação financeira consiste em captar depósitos de agentes económicos com receitas superavitárias e coloca-los a disposição dos agentes deficitários, que precisam de recursos financeiros para realizarem investimentos.