O grupo Maxi mobiliza em 11 províncias um total de 33 fazendas privadas e mais de 15 mil toneladas de produtos diversos para venda na sua rede de 17 lojas, apoiadas no trabalho de mil colaboradores.
Ao que soube o JE, a “Fazenda Maxi” é um programa exclusivo promovido pela Maxi que estabelece parcerias com produtores locais, com o objectivo de desenvolver a produção nacional e tornar acessível a toda a população os melhores produtos agrícolas. Apostam em relações de proximidade com os parceiros e junto das comunidades onde estão presentes, pela garantia de uma oferta variada de produtos de qualidade, seguros, frescos e ao melhor preço.
“Com este programa de sucesso, a Maxi contribui para o desenvolvimento profissional de pequenos empresários agrícolas, bem estar económico de várias famílias locais, oferta de emprego e de produtos nacionais diversificados e de alta qualidade, o que contribui para o desenvolvimento económico”, lê-se num prospecto.
Fundada há mais de 20 anos, a Maxi é uma rede de lojas que se dedica ao comércio alimentar. É, actualmente, das mais importantes redes em Angola com grande reconhecimento no mercado da distribuição alimentar devido à variedade, qualidade e preço dos produtos que oferece. Também pela aposta no emprego jovem.
A sua rede está presente em Luanda, Porto Amboim e Sumbe (Cuanza Sul), Lobito e Benguela.