Os multicaixas, no I trimestre deste ano, movimentaram em levantamentos um valor de 472,2 mil milhões de kwanzas (1,4 mil milhões de dólares).No período homólogo (I trimestre de 2018), os dados da Empresa Interbancária de Serviços (EMIS) dão conta de um valor de 421,2 mil milhões de kwanzas (1,3 mil milhões de dólares) retirados em operações de levantamento.

Em termos mensais, este ano, o mês de Março com 184,4 mil milhões de kwanzas foi o que mais dinheiro disponibilizou aos usuários de cartões plásticos, seguindo-se-lhe o Fevereiro com 158,7 mil milhões. O Janeiro surge no final no ranking com um total de 129,1 mil milhões de kwanzas.
Esta mesma tendência foi observada em igual período de 2018, quando o mês de Março registou levantamentos de 166,8 mil milhões de kwanzas, Fevereiro 136,7 mil milhões e Janeiro 117,7 mil milhões, respectivamente.
Já os pagamentos de serviços nas Caixas Automáticas (Multicaixas) totalizaram, no I Trimestre, 81,1 mil milhões de kwanzas de um total de quatro (4) milhões de transacções.
Em compras nos Terminais de Pagamentos Automáticos (TPA), a Emis registou, no período em análise, um total de 529,6 mil milhões de kwanzas (1,6 mil milhões de dólares) bem acima dos 399,3 mil milhões de kwanzas (1,2 mil milhões) de 2018.
O desempenho das compras mensais mostra que Março foi o período em que se adquiriu mais com 192,5 mil milhões de kwanzas; Fevereiro com 171,6 mil milhões e Janeiro obteve um registo de 129,1 mil milhões.
No que diz respeito ao número de transacções, de acordo com os dados da Emis, também disponibilizados já na sua página de internet, foram registados nos três primeiros meses deste ano um total de 76,1 milhões nos multicaixas e 42 milhões nos Terminais de Pagamento Automáticos, contra os 66,8 milhões em multicaixas e 32 milhões de 2018.
No comparativo mensal, as transacções do I trimestre de 2019 revelam 23,2 milhões de movimentos em Janeiro, 24,6 em Fevereiro e 28,3 em Março. O período homólogo também teve um comportamento crescente com o Janeiro de 2018 a homologar 20 milhões de transacções, 21,2 milhões de Fevereiro e 25,6 milhões em Março, isto nos multicaixas. Os dados de 2018, que servem de forte indicador sobre a penetração dos serviços automatizados na rede bancária angolana, mostram em transacções nos TPA 9,4 milhões em Janeiro, 10,2 milhões em Fevereiro e 12,4 milhões em Março.
Estima-se, até finais de Março, estarem activos (cartões com pelo menos um movimento) no sistema 4,72 milhões de cartões. Já os válidos (cartões emitidos) são 6,31 milhões.
Os titulares de cartões multicaixa podem levantar, diariamente, 50 mil kwanzas; transferir nas caixas automáticas para outras contas nacionais até dois milhões de kwanzas e fazer compras de até seis milhões.
Depois de ter lançado, no ano passado, os levantamentos sem cartão, mais recentemente, a Emis apresentou ao público e já está operacional o novo serviço designado por Multicaixa Express.
O mesmo é uma plataforma capaz de agregar 25 cartões no telemóvel e prover, por esta via, os serviços bancários de levantamentos, transferências, pagamentos, compras de todos os serviços e produtos já disponíveis na rede multicaixa. A partir de Agosto, iniciam-se os pagamentos on line na rede que não recebe cartões emitidos fora de Angola.