O Candando produz mais de 100 produtos diferentes nas suas padarias, entre eles, vários tipos de pão, pastéis, doces, salgados, tartes, tortas e bolos diversos. Os produtos são feitos no dia para garantir que estão sempre frescos, fofos e estaladiços. A produção é de 24h/dia, repartida em turnos e que garantem a abertura da loja com a oferta que nos é característica. No total são produzidos mais de 1.000.000 pães por mês.
Ao que soubemos 95% do pão e pastelaria tradicional fresca, que comercializa-se no espaço é de produção própria.
De acordo com os responsáveis, todo o pão que não é vendido, é diariamente doado a instituições de solidariedade, com as quais o Candando colabora regularmente, como O Horizonte Azul, Remar, Projecto Musa, Dom Bosco ou Hospital Pediátrico David Bernardino. Até ao momento foram já doados mais de 420.000 pães a estas instituições.
O pão é produzido de forma tradicional e estão, nas várias lojas, estimadas uma produção diária superior a 9.000 unidades em média. O preço do pão carcaça é 10 kz, o pão família, 400g custa 99 e o pão de forma, 400g, 199 kwanzas, neste momento.
Questionados sobre o processo de aquisição da farinha, atendendo as dificuldades actuais, os gestores dizem que apesar da instabilidade dos preços da farinha que se verifica, actualmente, no mercado, estes não mexeram e não têm previsão de alterar os preços dos pães que comercializam. A média de trabalhadores nas padarias ronda as 38 pessoas.
O grupo tem cerca de 80 produtores nacionais que asseguram 75% das frutas e legumes vendidos. No seu talho, mais de 50% da carne de bovino fresca e 100% de carnes de aves e porco fresca são nacionais. 95% do peixe e marisco fresco que abastecem a peixaria, são adquiridos diariamente nas praias do Ambriz a Porto Amboim. Continua a ser preocupação da cadeia retalhista a oferta de produtos com máxima segurança e qualidade.