O peixe carapau (28,52 por cento) e Sal (20,83) foram os produtos de preços vigiados (PPV) que registaram maiores diminuições de preços nos armazéns grossistas de Luanda, na semana de 26 Maio a 2 de Junho. Já nos supermercados, foram a mandioca (17,89) e o repolho (15,05).
De acordo com o instituto de preços e concorrências (IPREC), do Ministério das Finanças, em termos genéricos, durante o período de 29 de Maio a 02 de Junho, os preços dos PPV nos supermercados sofreram aumentos de até 15 por cento. Trata-se de uma informação que consta do relatório semanal do índice dos produtos de preços vigiados do instituto de preços e concorrência (IPPV), órgão tutelado pelo Ministériodas Finanças.
A carne pojadouro (6,95 por cento) e a fuba de milho (3,94) foram os produtos cujos preços mais aumentaram nos armazéns grossistas. Nos supermercados, o alface (8,40) e o peixe seco (7,91). A lista dos bens e serviços pertencentes ao regime de preços vigiados foi publicada a 15 de Fevereiro de 2016, através do Decreto Executivo N.º 62/16 e inclui 30 produtos como o arroz, banana, batata-rena e doce, carne fresca e seca, farinha de trigo, feijão, frango, fuba de mandioca, fuba de milho, leite em pó, massa alimentar, óleo de palma e de soja, pão, peixe, sal, sabão, alface, alho, tomate cebola, cenoura e cebola.