O alcance das medidas que estão a ser implementadas pelo Governo angolano e que têm a participação da assistência técnica e financeira do Fundo Monetário Internacional (FMI) observa a primeira avaliação global deste ano entre os dias 12 e 14 de Abril em Washington, EUA.
Na data está prevista decorrer a primeira reunião conjunta do Banco Mundial/FMI, também designada de Reunião de Primavera ou do inglês“Spring Meeting”, soube o JE.
A fonte adianta que Angola, uma vez mais, far-se-a representar neste encontro com os membros da Equipa Económica do Governo, que devem aproveitar o momento para explicar a outros parceiros das transformações políticas e económicas que o país empreende no quadro da sua estratégia de desenvolvimento definida no PDN 2018-2022.
À margem das reuniões estatutárias, o encontro dos membros de Bretton Woods serve também para a discussão do clima económico mundial e regional. A ocasião também serve para os governos junto dos principais investidores internacionais desenharem um quadro do seu desenvolvimento local e mobilizar novos financiamentos para os programas.
Em 2018, Angola fez-se representar com uma delegação chefiada pelo ministro das Finanças, Archer Mangueira, que na ocasião manteve encontros particulares com bancos de investimento e abordou sobre as emissões de de eurobonds.
O Banco Mundial (BM) e o Fundo Monetário Internacional (FMI), que constituem o grupo Bretton Woods, reúnem-se habitualmente duas vezes ao ano. Um primeiro encontro, este o de Abril, é designado de reunião de primavera devido ao período ou estação do ano em que acontece. Há um segundo designado de econtro anual “Annual Meetings” no inglês, que ao que apuramos deve ocorrer em Outubro entre os dias 18 e 20. IL