Mário Machado foi reconduzido, sábado último, ao cargo de delegado provincial de Malanje do Sindicato Nacional de Empregados Bancários de Angola (SNEBA), para um mandato de cinco anos, no quadro da preparação do II Congresso do órgão sindical que acontece ainda este ano.
O encontro, que decorreu no Centro de Convenções de Cultura e Lazer “Ginga Center”, foi marcado pela eleição do novo primeiro vice-delegado provincial, do SNEBA.
Trata-se de Hemersom Caholo, que apontou como linhas de força a promoção de uma vasta campanha de divulgação dos estatutos do SNEBA, visando elevar a consciência jurídica dos filiados para que possam defender-se das práticas abusivas do empregador.
O responsável sindical defendeu também a necessidade da promoção da assistência jurídica aos colaboradores filiados ao Sindicato Nacional dos Empregados Bancários de Angola de modo a que possam defender-se de forma conveniente de todos os actos que lesem os direitos e a integridade dos trabalhadores.
Hemersom Caholo apontou ainda como linhas de força do novo corpo directivo a valorização do capital humano, e alargar a base de actuação que abrange não só os colaboradores filiados como também os que não são filiados ao SNEBA para que possa aceder à organização sindical.
De acordo ainda com o vice-presidente provincial do sindicato dos bancários, um dos aspectos que preocupa a instituição tem a ver com os despedimentos ilegais que se registam em algumas instituições bancárias, bem como os problemas que tem o jovem e a mulher sindicalizados, relativamente a alguns direitos adquiridos e que não são respeitados pelos trabalhadores.
Para combater este mal, frisou, o SNEBA tem procurado fazer o melhor enquadramento entre o sindicato e as entidades empregadoras, de modo a salvar todos os direitos dos trabalhadores para uma melhor relação.