O Grupo Standard Bank venceu, recentemente, o prestigiado prémio “risco para negociante do ano em mercados emergentes de 2016”, após um forte desempenho da sua equipa sob condições de mercado desafiadoras, soube o JE de uma nota da instituição.

De acordo com o referido documento, a capacidade do Standard Bank no auxílio ao cliente para a escolha de condições de negociação permanece como vital, enquanto mercados emergentes continuam a enfrentar ventos contrários devido ao abrandamento da economia chinesa, à descida do preço do petróleo, à volatilidade cambial e à queda significativa do preço das mercadorias, entre outros.

Os prémios de risco anuais identificam as melhores práticas nos mercados de gestão de risco e derivativos. O prémio de negociante do ano em mercados emergentes reconhece negociantes que actuam em mercados emergentes que tenham desempenhado um papel fundamental no desenvolvimento do mercado local, que sejam comprovadamente gerentes de risco fiáveis e que realizem negócios sobre uma vasta gama de produtos.

O Grupo Standard Bank é o maior banco africano em termos de activos com uma presença única em 20 países africanos. Com sede em Joanesburgo, África do Sul, encontra-se cotado na Bolsa de Valores de Joanesburgo.

O Standard Bank tem uma história de 153 anos na África do Sul, tendo iniciado a sua internacionalização, através do estabelecimento de agências fora da África do Sul, no início dos anos 90.

A nossa posição estratégica, que nos permite ligar África a outros mercados emergentes, assim como a grupos de capital em mercados desenvolvidos, e a nossa carteira de negócios equilibrada, proporcionam oportunidades significativas de crescimento.

O grupo tem cerca de 49 mil funcionários e mais de 1.200 sucursais, que permitem oferecer uma gama completa de serviços bancários para particulares e empresas, banca de negócios e investimento e gestão patrimonial.

O departamento de Banca de Negócios e Investimento do Standard Bank oferece aos seus clientes serviços bancários, financeiros, comerciais, de investimento, de gestão de risco e consultoria, com vista a ligar determinados mercados emergentes a África e entre si. Apresenta uma grande oferta para a indústria mineira e de metais; petróleo, gás e energias renováveis; energia e infra-estruturas; agro-indústria; telecomunicações e meios de comunicação; e instituições financeiras.

Os lucros globais de operações contínuas, em 2014, foram de 21 mil milhões de rands (cerca de 1.9 mil milhões de dólares) e os activos totais atingiram os 1.907 mil milhões de rands (cerca de 165 mil milhões). O maior accionista do grupo é o Banco Industrial e Comercial da China (ICBC), o maior banco do mundo, com uma participação de 20.1 por cento. Adicionalmente, o Grupo Standard Bank e o ICBC têm uma parceria estratégica que facilita o fluxo de comércio e negócios entre África, China e determinados mercados emergentes.