O lendário músico Bruce Springsteen nunca conseguiu emplacar uma música na primeira posição dos rankings de pop, aponta Brandon Griggs num artigo na CNN. Mesmo assim, ele tem uma carreira fabulosa, de décadas, ganhou prémios e, as pessoas amam a sua música.
Na verdade, a pessoa pode ser o número dois e ainda ter sucesso, não é necessário ser o melhor em tudo, mas seguir a sua vida sem certas realizações ou títulos. Não deixe que listas ou prémios digam que alguém não é bom ou competente o suficiente a ponto de diminuir a sua confiança para querer prosseguir.
Não existe uma fórmula pronta para o sucesso. A única certeza é, na visão de Bruce, o seu papel no caminho da vida. Lembre-se dessas três lições quando se perguntar o que fazer para prosseguir:

1. Trabalhe implacavelmente e faça um bom trabalho - Bruce Springsteen trabalhou por décadas compondo óptimas canções, a ponto de fazer outros artistas famosos quererem regravar as suas músicas, segundo o artigo na CNN. O sucesso e avanços não acontecem da noite para o dia. Eles demandam do tempo, esforço e energia. Quando colocar o que é necessários para produzir um trabalho consistente, começa a ganhar notoriedade e o respeito dos seus colegas;

2. Mostre a sua paixão - Springsteen performa com muita energia e não tem medo de expor as suas opiniões sobre problemas sociais e direitos civis.
Além disso, m0stre paixão pelo seu trabalho e pelo mundo ao seu redor. Invista energia dentro e fora dele. Se tiver um hobby, mostre. É uma parte do és. As pessoas conseguem enxergar energia, sentir paixão. Não tenha medo de investir no que o faz, os outros notam a diferença;

3. Seja honesto com as pessoas - Springsteen lutou contra a depressão, segundo a reportagem, e recentemente dividiu isso com o público. Seja honesto consigo mesmo e se aceite. Esteja de corpo e alma no trabalho, pois é provável que os seus colegas já tenham passado ou conheçam alguém que passou pela mesma situação, seja um assunto físico ou mental. Quando se conectar com pessoas num nível humano, cria uma ligação mais profunda.
Os outros aprendem mais sobre a sua história e podem dar mais valor e respeito para como pessoa e para o seu trabalho.
Aprenda as lições de Bruce Springsteen, conhecido como “The Boss” (“O chefe”), e seja o chefe da sua carreira: não deixe que rankings digam que não é bom o suficiente. Trabalhe duro, mostre paixão e seja sempre dono do seu mundo.