No processo de comunicação dentro das organizações, um conjunto de factores se apresentam como barreiras, dificultando dessa forma que as mensagens cheguem ao receptor com a fidelidade desejada.
Entre as mais comuns destacam-se:

Níveis organizacionais
Quanto mais complexa a estrutura organizacional, maior a possibilidade de distorção da mensagem entre a sua emissão e recepção, pois cada nível actua “filtrando” o teor da mensagem , o que acaba por provocar agregação de ruído.

Autoridade da administração
Os níveis de autoridade dentro da organização dificultam a que a mensagem flua de forma livre e aberta, pois quem detém autoridade tenta demonstrar controlo da situação, evitando comunicações que possam torná-lo vulnerável, enquanto quem é subordinado busca manter as aparências, evitando desgastes, problemas, situações de discórdia, etc.

Especialização
Este factor está relacionado à fragmentação da empresa em vários grupos que, por sua vez, detêm interesses, atitudes, pontos de vista e até mesmo vocabulário próprio, muitas vezes.