O início dos voos à capital nigeriana surge no âmbito do acordo que envolve a companhia Arik Air e a sua congénere angolana e está para 2011

Uma nova rota entre Luanda e Lagos será aberta a partir do primeiro trimestre de 2011, cuja operação vai ser realizada pela companhia aérea de bandeira nigeriana Arik Air. A nova ligação aérea é resultado de um acordo assinado na semana passada entre a Arik Air e a transportadora aérea angolana TAAG, com o objectivo de fazer funcionar as duas companhias em conjunto, com o intercâmbio das sedes em Lagos e Luanda, bem como facilitar as relações bilaterais entre os dois países. Segundo o encarregado de negócios da Embaixada da Nigéria, Yaswat Dah Gukas, o memorando efectivou-se após uma negociação de dois anos.

As relações entre os dois países maiores produtores do crude na África sub-sahariana foram sempre cordiais e remontam à época da independência de Angola, mas apenas do ponto de vista diplomático. “Agora pretendemos que essas relações passem a ser também económicas”, disse.

Frequência

O responsável fez saber ainda que serão efectuados dois voos por semana. Yaswat Dah Gukas considera que a activação desta rota constitui uma mais-valia e trará grandes vantagens para os dois povos.

Actualmente, a África regista países com um potencial forte, com destaque para a África do Sul, Angola e a Nigéria. Para a fonte, os referidos Estados devem trabalhar em conjunto de forma a promoverem todas as perspectivas que o continente almeja alcançar.

Com a assinatura do novo acordo no âmbito das companhias aéreas, a Nigéria pretende avançar ainda no sector petrolífero, ciência e tecnologia, educação e cultura, entre outros.

Relações económicas

Yaswat Dah Gukas anunciou que os dois Estados estão a trabalhar para a realização da 5ª sessão da Comissão Bilateral entre Angola e Nigéria agendada para Luanda, na qual se prevê a assinatura de vários acordos. Nesta reunião, ainda sem data definida, vão participar mais de 50 homens de negócios nigerianos.

História

Arik Air opera uma rede de voos domésticos, regionais e internacionais. Actua principalmente a partir de dois pólos, mais concretamente dos aeroportos internacionais de Lagos e de Abuja. Em 3 de Abril de 2006, a Arik Air assumiu as antigas instalações da Nigeria Airways em Lagos, cerca de três anos após a sua liquidação, e começou o trabalho de reconstrução. Em 14 de Junho de 2006, a Arik introduziu na sua frota mais dois novos Bombardier CRJ-900 para voar nas rotas domésticas e em toda a Nigéria e no continente africano. Em 30 de Outubro de 2006, a Arik começou a operar voos regulares de passageiros, com quatro entre Lagos e Abuja usando aviões CRJ 900.

O governo nigeriano fixou um prazo a partir de 30 de Abril de 2007 para todas as companhias aéreas que operam no país a garantirem melhores serviços e segurança. A companhia aérea ficou satisfeita com os critérios da Autoridade de Aviação Civil da Nigéria (NCAA).

Em 4 de Abril de 2008, a Arik Air recebeu permissão para voar para os Estados Unidos pelo Departamento de Transportes dos EUA.

Arik Air recebe os seus passageiros a 6 de Agosto de 2010 num voo entre Johanesburgo e Lagos.

Arik Air construiu uma sólida rede doméstica. Abrange principalmente a Nigéria, além de diversos outros destinos ocidentais africanos.

Em Agosto de 2006, o Ministério Federal da Aviação concede à Arik Air autorização para voar para Trinidad e Tobago e Amsterdão, Londres, Madrid, na Europa. Além disso, a companhia aérea planeava voar para Atlanta, Miami e Houston, nos Estados Unidos e em Birmingham, no Reino Unido.

A Arik Air iniciou as suas operações internacionais para Londres-Heathrow, em 15 de Dezembro de 2008, utilizando Airbus A340-500. Acrescentou Joanesburgo em 1 de Junho de 2009 e New York JFK em companhia aérea subsidiária Arik Níger (código IATA: Q9) iniciou as suas operações em Abril de 2009, mas foi fechada em Fevereiro de 2010.

Leia mais sobre outras notícias da actualidade na edição impressa do Jornal de Economia & Finanças desta semana, já em circulação