Mundial rtealizado em Davo, na Suíça, considerou empresas sustentáveis aquelas cujo foco está virado para negócios com grandes benefícios sociais e ecológicos e divulgou o ranking das empresas mais sustentáveis do mundo. Nele estão companhias do mundo todo cuja sustentabilidade, em várias categorias, é capaz de colocá-las
num patamar único.
O estudo, que já vai no seu 14º ano, observa dados públicos, como declarações financeiras e relatórios de sustentabilidade e outros fatores-chave como o consumo de energia, a emissão de carbono e produção de lixo e de ar limpo. Também foram levados em consideração os gastos com inovação; impostos pagos; diversidade da liderança; salários dos altos cargos; fornecedores com quem as empresas trabalham; fundos de pensão e saúde; taxas de segurança; rotatividade de funcionários; e o vínculo entre as metas de sustentabilidade e a
remuneração dos executivos.