Ao conhecer um pouco dos propósitos da psicanálise, o administrador poderá dispor de conhecimentos úteis na compreensão de certas inadequações das pessoas em situações de interacção profissional. Os nossos conteúdos inconscientes manifestam-se também nas relações que estabelecemos com os nosso colegas de trabalho, líderes, clientes e fornecedores.
Muitas vezes, comportamentos aparentemente estranhos, inseguranças diante de determinados desafios, desajustamentos sem explicação, doenças aparentemente sem justificativa clínica, que interferem no processo produtivo podem estar a passar pelos domínios do inconsciente. Todos os que lidam com pessoas, principalmente na área de Recursos Humanos, devem conhecer e valorizar esses aspectos da personalidade humana.
Embasado nesses
conhecimentos, o administrador tenta solucionar as dificuldades do tão famoso ”funcionário - problema”. Ao criticar ou punir esse tipo de funcionário é importante que se dê conta que está apenas a atacar o sintoma. As reais questões que o levam a ser considerado”problema” vão muito além, pois na maioria das vezes estão nas profundezas
do inconsciente.
Algumas empresas preocupadas com esse contexto,colocam ao serviço dos seus funcionários, seguros de saúde que cubram o atendimento psicológico (individual e em grupo) e segundo elas, o resultado desse atendimento tem se reflectido nos relacionamentos internos da organização e consequentemente na produtividade.