O funcionário da Administração Geral Tributária (AGT), Oluimo da Silva, destacado na Organização Mundial das Alfândegas (OMA) desde o ano de 2011, tornou-se no primeiro angolano a ocupar uma vaga de Oficial Técnico na Organização, depois de disputar o prestigioso cargo com diversos técnicos aduaneiros dos 182 países membros da OMA, tendo sido escolhido num criterioso processo de selecção .
Antes de ocupar a vaga de Oficial Técnico, o funcionário da AGT foi, em 2011, o primeiro angolano a representar as Alfândegas dos Estados que forma a Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP) na sede da OMA, por um período de 2 anos, isto entre 2011 e 2013.
Nos últimos quatro anos, Oluimo da Silva esteve a representar Angola na OMA, na condição de Adido Técnico, uma outra posição de destaque custeada pelo Governo angolano.
Oluimo da Silva é perito na área de Comércio Internacional, com especialidade em matérias aduaneiras, como facilitação do comércio, aspectos técnicos ligados à implementação de zonas de livre comércio e de uniões aduaneiras, reforma e modernização aduaneira.
Destacado na Sub-Direcção de Facilitação da OMA desde 2013, Oluimo da Silva vem trabalhando em diversos dossiers ligados à simplificação de processos e procedimentos aduaneiros, com vista a facilitação e maior controlo das operações do comércio internacional, tais como Convenção de Quioto Revista, Modelos de Dados, Quadro de Normas SAFE e Acordo de Facilitação do Comércio da Organização Mundial do Comércio (OMC).