Continua a formar os seus quadros para responder aos desafios de um mercado cada vez mais exigente e globalizado, continua a ser a principal aposta da Companhia Aérea de Angola (TAAG), que nos últimos dois anos investiu mais de quatro mil milhões de kwanzas na formação de quadros. Uma das áreas de formação destinou-se para todo o frontline da companhia em serviço ao cliente, que ainda se encontra em curso, realização que acontece regularmente com inquéritos de satisfação ao cliente com vista à obtenção de feedback sobre a política de atendimento existente.

De acordo com dados avançados pela empresa, apresentados na cerimónia que marcou os vinte anos da revista Austral da Taag, dão ainda conta que este vai focar mais a sua actividade para o cliente em 2014, na qual a análise contínua das reclamações e sugestões efectuadas pelos passageiros, serão dadas melhor tratamento.

Responsabilidade social
A empresa vai continuar a trabalhar de forma conjunta para superar a sua posição nos rankings internacionais de execução da política de acção social via apoio, com a dinamização de iniciativas desportivas, culturais e ambientais por meio de acordos de permuta e patrocínios. Além disso, vai continuar a levar a cabo o desenvolvimento das ferramentas electrónicas de comunicação e informação, promovendo a sua utilização e a implementação de acções de publicidade que aumentem a visibilidade para os passageiros das agências e produtos da Taag.

Melhorias no atendimento
Outro grande foco da companhia para os próximos anos, será a contínua realização de acções periódicas de monitorização no terreno da nova forma de atendimento preconizada e a padronização da oferta e práticas no serviço ao cliente, de forma a garantir um serviço consistente e de qualidade aos passageiros, que registou um aumento significativo a nível domésticos mais do que o triplo 2002 e 2012, cujo objectivo de continuação do crescimento das ligações poderá prevalecer com aumento da eficiência.