Duas subestações de electricidade dos bairros Mundial e Zona Verde, no município de Belas, em Luanda, foram inauguradas na passada terça-feira, o que resultou em 28 mil ligações domiciliares.
Inauguradas pelo governador de Luanda, Sérgio Luther Rescova, e o ministro da Energia e Águas, João Baptista Borges. As duas sub-estações têm capacidade para gerar 50 Megawatts, cada, o que permitirá 50 mil ligações domiciliares .
Segundo a Angop, os dois projectos, que custaram aos cofres do Estado trinta e nove milhões de dólares americanos, vão beneficiar os bairros, Jacaré, Canhanga, Tanque Serra e Seco,Vitrona, Santa Marta e Cabolombo, afectos ao município de Belas.
Mais-valia
Na ocasião, o ministro da Energia e Águas informou que a construção das duas sub-estações é parte de um projecto, que teve início em 2016, no qual se previa construir nove novas sub-estações, permitindo a ligação de mil Postos de Transformação(PT), em Luanda.
O governante disse que, as nove infra-estruturas beneficiaram 300 mil famílias, referindo que a expansão da rede de distribuição permitiu distribuir mais energia a partir da Barragem de Laúca e de Cambambe.
As sub-estações eléctricas do bairro Mundial e da Zona Verde terão uma capacidade de ligação de 100 Postes de Transformação (PT).