Pelo menos cem pés de eucaliptos foram plantados, recentemente, na localidade de Cachita Muandondji, município de Saurimo (província da Lunda Sul), numa promoção da Associação de Escuteiros de Angola (AEA).
Em declarações à Angop, o responsável dos escuteiros na Lunda Sul, Audácio Sofremo, salientou que a actividade está enquadrada no âmbito do IV acampamento nacional do Escuteiros de Angola, denominado ‘’Ochtilombo’’, a decorrer entre os dias 15 e 19 do mês em curso, na cidade de Saurimo.
Segundo afirmou, a Igreja Católica pretende transformar o local num polígono florestal, acrescentando que nos próximos tempos poderão plantar outras espécies de árvores.
O acampamento que conta com mil e 25 escuteiros de diferentes regiões do país, decorre sob o lema ‘’Educar no carácter e ensinar na diversidade’’, será marcado com actividades de carácter social, educativa, intelectual, cultural, desportiva e recreativa.
Programas de engajamento comunitário, desenvolvimento sustentável, ambiente e diversidade, e a partilha da realidade do Leste de Angola composta pelas províncias das Lundas Norte e Sul e o Moxico, no que toca aos hábitos e costumes, pontos turísticos e as paisagens desta região, constam da agenda do evento.
A Associação de Escuteiros de Angola é uma associação sem fins lucrativos, vocacionada à formação integral de jovens, com base num método próprio e nas directivas gerais e específicas da Organização Mundial do Movimento Escutista (OMME).