Os projectos de investimentos públicos do Executivo serão melhor fiscalizados com a entrada em breve da Unidade de Monitorização dos Projectos do Executivo (UMAPE).
A instituição terá a missão de acompanhar a implementação dos projectos de investimentos públicos, segundo um despacho Presidencial que o Jornal de Angola teve acesso, divulgado esta semana.
A unidade será uma ferramenta fundamental para se maximizar a qualidade da despesa pública, racionalizar a utilização dos recursos disponíveis e assegurar a observância dos prazos na execução dos diferentes projectos, a curto, médio ou longo prazos.
Para a institucionalização da futura Umape, com base no despacho Presidencial, de 4 de Novembro, foi criado um grupo de trabalho que vai cuidar das condições jurídicas, técnicas e materiais necessárias, coordenado pelo ministro de Estado e Chefe da Casa Civil do Presidente da República, Frederico Cardoso.
A equipa integra a ministra das Finanças, como coordenadora-adjunta, e os ministros da Economia e Planeamento e da Administração do Território e Reforma do Estado, a secretária do Conselho de Ministros, bem como os secretários do Presidente para os Assuntos Regionais e Locais e para os Assuntos Judiciais e Jurídicos.