Para aumentar a contribuição na composição do PIB, o sector dos Transportes está a procurar melhorar os modelos de governação das empresas e também aumentar a participação de investidores privados. O ministro dos Transportes, Ricardo Viegas D’Abreu, defendeu a necessidade de aumentar a contribuição do sector na estrutura do Produto Interno Bruto (PIB) angolano, fixada actualmente em 3%.
Reconheceu ser uma contribuição muito baixa, tendo em conta que noutras economias, o sector contribui com mais de 15 por cento da riqueza produzida. Na sua estratégia, o Governo prevê incentivar e apoiar o sector privado na melhoria da oferta do transporte rodoviário de mercadorias, numa visão integrada com as redes logísticas das cadeias de abastecimento das populações e das empresas e, prover a sua participação na gestão e exploração das plataformas já construídas e em fase de conclusão.