O artista plástico angolano António Ole apresentou esta semana, no Centro Cultural Português, em Luanda, a exposição “50 anos vivendo, criando”, uma trajectória construída por diversas experiências que reafirma a sua multidisciplina pela arte.
António Ole apresenta 27 obras de pinturas em acrílico sobre tela e pigmentos sobre tela, na sua maioria inéditas. Ele apresenta, igualmente, uma instalação com desenho em caixa de luz.
A exposição fica patente até 20 de Dezembro do ano em curso.
O artista disse, em conferência de imprensa, que este trabalho visa celebrar a vasta e reconhecida obra feita ao longo de meio século, com duas exposições do seu trabalho artístico.
“O tempo passa tão suavemente no recolhimento diário do meu estúdio que se não fosse uma voz amiga a lembrar-me, nem me apercebia que estou a completar 50 anos de trabalho. Um percurso construído a partir de um somar de experiências vividas”, sublinha António Ole.