A gravação da primeira temporada, de quatro previstas, da telenovela angolana Noiva de Lúcifer pela produtora Visão e Organização de Artistas Nacionais foi concluída esta semana.
Segundo o realizador Person Pitra, em declarações à Angop, no Lubango, a telenovela conta com 20 capítulos e congrega 50 actores, como forma de incentivá-los a contribuir na massificação cultural, através deste tipo de arte.
Afirmou que traz uma história que vai despertar a sociedade para que evite optar pela vida fácil, como bens materiais com envolvência em lutas espirituais.
“A noiva é uma jovem que depois de ser estuprada por três marginais altamente perigosos acaba por entrar num mundo de vingança por sentir-se humilhada, vê todo seu meio desfeito e sente-se tão sozinha e envergonhada”, disse.
Revelou que desenrola-se em meio a drama, ficção e terror e que todo trabalho foi rodado no município da Chibia.
Anunciou que as próximas três temporadas serão gravadas brevemente nos municípios do Lubango, Humpata, em locais bem identificados.
Disse que decorrem negociações com uma televisão nacional para que possa a partir de Setembro começar a exibir a primeira temporada e as restantes, processo bem encaminhado.